PUBLICIDADE

Gordura produzida pelo organismo pode combater diabetes

Pesquisador brasileiro revela substância que pode ser alternativa para tratar a diabetes

A diabetes pode afetar o funcionamento de vários órgãos vitais devido à alta quantidade de açúcar presente no sangue dos pacientes. Porém, um encontrou uma nova solução para controlar a doença por meio de uma gordura produzida pelo organismo.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Controlando a diabetes

Luiz Osório Leiria, pós-doutor pela Universidade de Harvard (EUA), identificou uma substância gerada pelo corpo humano capaz de controlar os níveis de glicose no sangue.

O cientista avaliou as funções do lipídio 12-HEPE, uma gordura liberada pelo tecido adiposo. Este tecido, por sua vez, concentra óleos e gordura no interior das células, sendo responsável por regular a temperatura corporal e estar relacionado à obesidade.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Tecido adiposo, onde é produzida e liberada a gordura que pode auxiliar no tratamento da diabetes - Foto: Shutterstock
Tecido adiposo, onde é produzida e liberada a gordura que pode auxiliar no tratamento da diabetes - Foto: Shutterstock

Camundongos obesos tratados com a substância tiveram menores quantidades de açúcar no sangue depois de receberem uma dose de glicose concentrada. Os resultados foram comparados a animais que não tiveram o tratamento com o lipídio.

A conclusão é de que este tipo de gordura capta a glicose presente tanto no tecido adiposo quanto nos músculos. Portanto, é possível reduzir o nível de glicose no sangue mesmo após uma gestão alta de alimentos ricos em açúcar.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A descoberta pode ser um grande passo para o tratamento de pessoas com diabetes, auxiliando na redução de açúcar no organismo, que costuma ser bastante elevada em pacientes com a condição.

Remédio para incontinência urinária auxilia tratamento

Nas análises, Leiria percebeu ainda que o medicamento Mirabegron, comumente usado para tratar bexiga hiperativa (tipo de disfunção urinária), auxilia a ativar o tecido adiposo, liberando o lipídio 12-HEPE.

O pesquisador, que atualmente trabalha no Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), afirma que novas pesquisas testadas em humanos são necessárias.

Mais sobre diabetes

Descubra os principais sintomas da diabetes

Veja hábitos que ajudam no controle da diabetes

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Confira as frutas mais indicadas para quem tem diabetes